O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Franchising » Cases de Sucesso » Franqueada escolheu marca de sucesso e lista 4 passos para abrir franquia

Franqueada escolheu marca de sucesso e lista 4 passos para abrir franquia

Sumário

Escolher uma boa marca para investir pode ser uma tarefa complicada. Mas tudo será mais fácil se você seguir os passos para abrir franquia que listamos neste conteúdo.

Com a palavra, a franqueada Tabita Caetano, da franquia Cream Berry. A marca é uma açaiteria reconhecida no mercado e, em menos de seis meses de expansão, já iniciou mais de 30 franquias.

Ou seja, a Cream Berry é uma marca de sucesso, e tem trazido ótimos resultados à franqueada. Em apenas dois meses de funcionamento, sua unidade Cream Berry Nordeste Amaralina faturou um bom percentual do que é considerada a previsão de lucro para seis meses.

“Queria um negócio já consolidado, com menos riscos, suporte de marketing e todo um plano de negócio já testado e eficaz”, conta Tabita. Por isso ela escolheu a franquia de açaí Cream Berry.

Clique, conheça e compare FRANQUIAS LUCRATIVAS. Acesse!

Passos fundamentais para abrir franquia e ter sucesso

Contando sua experiência com a franquia Cream Berry, a franqueada Tabita listou quatro passos para escolher uma franquia e ter sucesso no empreendimento. Veja abaixo.

Passo 1: saber por que você deseja abrir esse negócio

Iniciar o próprio negócio é uma tarefa que requer muito investimento. Investimento não só de capital, mas também de tempo, de dedicação para desenvolver a empresa etc.

Por isso, para escolher uma franquia, é preciso ter um objetivo em mente. Abrir um negócio “por abrir”, sem uma meta, sem o real desejo de fazer isso, pode tornar o sucesso da empresa muito mais difícil.

Afinal de contas, você será o responsável pelo empreendimento. Se não se sentir entusiasmado para se dedicar a ela, os processos não vão funcionar.

A franqueada Tabita Caetano, por exemplo, estava em busca da independência financeira quando abriu sua unidade Cream Berry. Mas mais do que isso: ela tinha estabelecido como objetivo pessoal abrir um negócio por volta dos 30 anos de idade.

Então, nos últimos quatro anos, a empresária pesquisou por marcas e buscou empreender em algo fora da sua zona de conforto.

Passo 2: se identificar com o ramo

Apesar de não estar acostumada com o ramo do açaí, Tabita tinha interesse pelo setor. Ela conheceu a marca ao pesquisar sobre o crescimento de gelados no Brasil. 

A franqueada está sempre em busca de novos desafios. A Cream Berry chamou sua atenção, e ela se interessou pelo seu método de trabalho e produto. Por isso, investiu e tem colhido ótimos resultados.

Esse é um dos mais importantes passos para abrir franquia. Gostar do ramo, da marca e da atividade é essencial para manter a dedicação ao trabalho. 

Imagine a situação: você odeia trabalhar com números. Matemática aborrece você e a área de exatas nunca foi sua preferida na escola ou faculdade.

Apesar de tudo isso, você escolhe abrir um escritório de contabilidade. Mesmo que você faça apenas a gestão do negócio, seu contato com números será diário. Sua experiência não será das melhores, concorda?

Para ter sucesso com sua empresa, você precisa ter mais do que lucro com ela. Na verdade, abrir o próprio negócio é sua chance de se sentir realizado pessoalmente e profissionalmente. Você não terá nenhum dos dois se tiver um trabalho de que não gosta.

Então, para abrir sua franquia, entenda bem com o que você quer trabalhar. Pode ser algo com o qual você já tem experiência ou não. 

A franqueadora vai prestar todo o treinamento e suporte para você atuar. Assim, você vai aprender tudo que precisa; mas, para isso, precisará ter interesse no assunto.

franqueada cream berry e entregador delivery com pacotes que serão entregues aos clientes cream berry
Cream Berry pode receber clientes ou fazer entregas. Foto: franqueada Tabita Caetano e entregador delivery.

Passo 3: se estruturar financeiramente

A franqueada Tabita Caetano conta que um dos seus maiores desafios na hora de abrir sua franquia Cream Berry foi a situação da Economia. Ela lembra que o Brasil está “sem dinheiro” e com muitos negócios informais. Seria mesmo o momento de iniciar uma empresa?

Depois de estudar bastante e conversar com os consultores da Cream Berry, ela entendeu que sim. Até porque, existem vantagens de investir em momentos de crise, como uma concorrência menor.

Mas para isso, ela precisou organizar as finanças. Cuidar desse aspecto é vital para investir em uma franquia.

Você precisa ter dinheiro para o início do negócio e também capital de giro. Ainda precisa se planejar para quitar as taxas mensais para a franqueadora, que são os royalties e o fundo de propaganda. O primeiro valor mantém a autorização de uso da marca da franquia; o segundo, garante suporte de marketing para o franqueado.

Uma coisa importante é que esse planejamento deve levar em conta suas finanças pessoais. Você precisa se organizar para que a abertura do negócio não afete as contas de casa e traga dores de cabeça.

Se for preciso, você pode até obter um empréstimo para abrir sua unidade. Basta pesquisar bastante entre as opções de crédito do mercado e escolher a mais vantajosa para o seu bolso.

A boa notícia é que todos os gastos de uma franquia ficam previstos em sua COF. A COF é a Circular de Oferta de Franquia, e apresenta dados completos sobre a marca, para que você possa se planejar.

Passo 4: buscar uma marca que tenha processos sólidos

Outro dos passos para abrir uma franquia é avaliar a marca e seus processos. Veja bem: a maior vantagem de uma franquia é contar com um modelo de negócio já testado. Se a marca não tiver processos bem definidos e que deem resultado, não faz sentido investir nela.

Na rede Cream Berry, Tabita encontrou a solidez que esperava. “Fiquei impressionada com a qualidade estrutural e dos produtos”, lembra.

Além da padronização do açaí, das demais receitas e insumos, a Cream Berry tem processos para toda a operação da unidade. Como a gestão de estoque, contratação de pessoas, controle financeiro e mais. 

Assim, o franqueado tem um manual completo para aderir e ter facilidade no seu dia a dia. É um aspecto que facilita muito o sucesso das unidades.

Tabita espera se desenvolver ainda mais. “Em longo prazo, estou prevendo um aumento significativo nos lucros. Até porque, já tracei várias estratégias de marketing, para tornar minha loja cada vez mais conhecida”, revela.

Foi seguindo todos os passos deste conteúdo que a franqueada Tabita Caetano abriu sua franquia e tem tido ótimos resultados com a Cream Berry. Para saber mais sobre a marca, acompanhe o vídeo abaixo!

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje