NotíciasDestaques ★Empreendedorismo

Modelo de negócio de franquias: vale a pena? Por que investir?

Blocos representando diveros segmentos, empilhados como uma piramide e uma pessoa levantando o primeiro. Imagem ilustrativa texto modelo de negócio

O modelo de negócio voltado para franquias é a chance que qualquer pessoa precisa para mudar de vida. Não só pela segurança, mas também pelas diferentes vantagens que o empreendimento oferece.

As franquias são empreendimentos que visam permitir que um empresário terceiro explore comercialmente uma determinada marca. Seja por meio de produtos ou serviços, ele passa a ter uma loja com o respaldo de grandes empresas. Para que isso seja seguro para ambas as partes, uma série de diretrizes precisam ser seguidas.

O franqueado deve seguir as condições estabelecidas pela marca, enquanto a franqueadora é responsável por auxiliar o empresário em uma espécie de tutela para os negócios. Devido a essa união, podemos considerar uma franquia o que há de mais seguro quando se trata de empreender.

Advertisement

Segundo o Sistema Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), apenas 15% das unidades franqueadas fecham antes de completar 10 anos. Em contrapartida, quem opta abrir um negócio do zero, tem uma chance cinco vezes de isso acontecer, considerando o mesmo tempo.

Dessa forma, para que você conheça as vantagens e os benefícios desse modelo, preparamos o texto a seguir. Acompanhe a leitura.

Vale a pena investir em um modelo de negócio do franchising?

Após um primeiro semestre de baixas, devido à crise que atingiu o mundo inteiro, as franquias estão conseguindo se recuperar mais rápido do que previsto. Para se ter uma ideia, de acordo com Associação Brasileira de Franchising (ABF), alguns segmentos já superam os números de 2019.

Ao analisarmos os faturamentos, segmentos como “Casa e Construção”, “Comunicação, Informática e Eletrônicos”, “Saúde, Beleza e Bem Estar” e “Serviços e outros negócios” devem fechar o ano com saldo bastante positivo. No segundo trimestre de 2020, essas áreas apresentaram quedas muito significativas.

Enquanto isso, os demais empreendimentos seguem alcançando resultados melhores. Considerando que 2019 foi um dos melhores anos do franchising na história recente, e com números crescentes, fica fácil compreender como investir nesse modelo de negócio tem valido a pena.

Segmentos que fecharam o primeiro semestre em baixa conseguiram se recuperar e, atualmente, encerraram os meses de agosto, setembro e outubro em leve queda, sinalizando uma recuperação. Muito desse sucesso se deu pelo aumento da confiança dos empresários. Comparando os períodos de 2020 e 2019, esse valor ficou acima de 3%.

Isso também mostra a expectativa para o crescimento do 4º trimestre. Desde 2014, os empreendedores não mostravam tamanho otimismo com a recuperação. Nesse sentido, 38% das redes de franquias acreditam que terão um bom resultado, superando o recorde de 2017, quando o valor era de 32%.

Vantagens de investir em uma franquia para abrir seu negócio

Ser dono de um negócio exige muitos cuidados por parte do empresário. São questões que envolvem o desenvolvimento do plano de negócio, a analise dos concorrentes, estudos de mercado, encontrar o melhor ponto comercial, a formação ou manutenção do público etc.

O que não faltam são questões para você se preocupar! Ocorre que, ao olhamos para as franquias, essas dificuldades são menores. Isso acontece devido à estrutura de custo oferecida pelas franqueadoras e que estão de acordo com a Lei de Franquias.

Além disso, com a apresentação da Circular de Oferta de Franquia (COF), documento responsável por reunir diversas informações sobre o empreendimento, abrir uma franquia se torna algo muito mais seguro, inclusive empreendimentos para quem deseja complementar a renda.

Para que você entenda um pouco mais sobre esse modelo de negócio, separamos o vídeo a seguir que explica tudo a respeito do sistema de franchising. Confira!

https://www.youtube.com/watch?v=KN6JUH-RqQA&t=13s

Agora, sabendo tudo que envolve uma franquia de sucesso, chegou o momento de você conhecer as vantagens desse tipo negócio. São pontos que irão permitir do leigo ao mais experiente ter uma jornada mais tranquila e com grandes resultados.

Modelo de negócio já estruturado pela franqueadora

Primeiramente, entre as vantagens de apostar nesse modelo de negócio, está a sua estruturação. Ao longo dos anos de existência, uma marca consegue adquirir reconhecimento no mercado e, assim, manter o empreendimento vivo e preparado para atender as demandas.

Esse é o caminho natural para qualquer empresa que deseja crescer e se manter no mercado durante anos. Porém, apesar de existir marcas bem sucedidas, nem todas conseguem chegar a esse patamar. Isso acontece devido aos diversos desafios e problemas que aparecem ao longo da jornada.

Dessa forma, a cada etapa superada, o empreendimento seguirá ainda mais forte no mercado. Dessa forma, a marca adquire o que conhecemos como know-how e expertise. Ou seja, mesmo que os problemas voltem um dia, a empresa estará mais preparada e saberá lidar com tranquilidade com a situação. 

Lembrando que essas características também estão relacionadas com a capacidade de rentabilidade do negócio. Todo aprendizado conquistado irá refletir nos produtos, na filosofia da marca, no atendimento ao cliente, em momentos de crise etc.

No caso das franquias, esse know-how e expertise são transferidos para o franqueado. Assim, você tem a capacidade de entrar para o mercado mais preparado do que se optasse por algo do zero. Certamente, é um caminho desafiador, mas tranquilo a ponto de permitir que qualquer pessoa abra uma franquia.

Marca reconhecida pelos consumidores

Como resultado da vantagem que apresentamos no tópico anterior, temos o reconhecimento da marca pelo público. Ou seja, quanto mais tempo de mercado, mais essa empresa fideliza e atrai clientes. Afinal, estamos falando de empreendimentos com história.

Além disso, ainda existe aquele consumidor que não conhece a marca em questão justamente porque na região onde aquele consumidor mora, a marca ainda não se fazia presente. Sendo assim, o que não falta para bons empreendimentos é público.

E isso pode ser confirmado pelas redes sociais. Essa prática é fundamental para identificar uma franqueadora de sucesso. A dica é fazer uma pesquisa e acompanhar a opinião das pessoas com relação a marca. Assim, você evita entrar em algo que não trará benefício.

Ao optar por abrir uma franquia, toda a clientela da marca fica disponível para você, sejam os interessados ou os fiéis. Qualquer um pode encontrar sua unidade, comprar um produto ou solicitar os serviços oferecidos. Não à toa, em poucos meses, é possível quitar o investimento feito.

No entanto, o mesmo não acontece quando se opta por abrir algo do zero. Nesse cenário, é preciso convencer as pessoas que o seu negócio é melhor que as empresas tradicionais, aumentando ainda mais o desafio de quem busca ser um empreendedor de sucesso.

Além dos cuidados, burocracias, estudos e testes, ainda é preciso convencer o público da qualidade do produto ou serviço. Essa tarefa pode demorar anos. Afinal, o atendimento também será avaliado ao longo da jornada. No caso das franquias, existe um atalho por meio de treinamentos especializados.

Suporte oferecido ao franqueado

À mesa, uma mulher está assinando um contrato (imagem ilustrativa). Texto: modelo de negócio.
O suporte da franqueadora passa a vigorar a partir do momento em que o contrato é assinado.

Uma das maneiras desse modelo de negócio permitir que qualquer pessoa possa ter uma carreira de sucesso está ligado ao oferecimento de suporte ao longo da vigência do contrato. Assim, todo o auxílio necessário para conseguir manter o empreendimento de pé, e com os bons resultados, é oferecido.

Essa auxilio ocorre por meio de especialistas preparados para lidar com qualquer problema relacionado ao empreendimento. Além disso, existem alguns franqueados cujo suporte auxilia na escolha do ponto comercial e até na negociação com bancos para financiamentos.

Ainda que as franquias sejam empreendimentos semi-independentes, ou seja, questões administrativas ficam por conta do franqueado, você poderá contar com o suporte para obter dicas para sair de uma crise, por exemplo. Se uma boa gestão estiver sendo feita, o franqueado pode virar referência na rede.

Ainda dentro das vantagens estão os treinamentos, já citados ao longo do texto. Essas atividades visam oferecer as melhores condições possíveis para que o franqueado conheça a história e as características do negócio.

Aqui, você saberá sobre os produtos e/ou serviços oferecidos, quais os benefícios diante dos concorrentes, como atender os clientes, estipular preços etc. Importante destacar que essas ações são atualizadas com frequência e o empresário pode consultá-las a qualquer momento.

No caso de franquias com quadro de funcionários, todos passam pelo treinamento. Na contratação de pessoal para a unidade, existem algumas marcas que ajudam na seleção, permitindo, assim, que as atividades se iniciem com o melhor time.

Facilidade de financiamento pelos bancos

Nem todo mundo tem condições de abrir um modelo de negócio como as franquias, por mais baratas que elas possam ser. Isso é algo extremamente natural, afinal, diversos fatores podem impactar na saúde financeira de uma pessoa. Mas, quanto mais empreendedores existirem, melhor para o Brasil.

Diante desses dois fatores, os principais bancos brasileiros oferecem condições especiais para quem deseja abrir uma franquia. Cada um possui um programa diferente, com vantagens e benefícios que se adequam de acordo com a condição financeira do empresário.

Esse tipo de auxílio é bem diferente do que as linhas de crédito que estamos habituados. Isso acontece, pois o foco é permitir que qualquer um tenha a possibilidade de abrir uma franquia sem passar por apertos. Além disso, se tratando de um empreendimento tão seguro, as instituições bancárias acabam se interessando ainda mais.

Porém, é importante destacar, nenhum banco oferece o valor integral para fazer o investimento. No máximo, você irá encontrar instituições que permitam 80% do valor, o que não é aconselhável. Uma porcentagem tão alta pode colocar o seu negócio em risco.

O ideal é conseguir reservar, pelo menos, a metade do investimento total. Assim, o seu controle tende a ser melhor. Na hora de escolher a franqueadora, considere a quantia que tem à disposição vezes dois para traçar o seu teto. Agora, caso queira uma porcentagem menor, basta fazer o cálculo certinho para chegar ao seu limite.

Acesso a fornecedores e bons preços

Em uma mesa de madeira temos alguns papéis. Sobre eles temos algumas moedas empilhadas, uma calculadora e um pequeno carrinho de brinquedo em miniatura.
Todas as franqueadoras contam com parcerias que visam reduzir gastos com os fornecedores.

Outra dificuldade muito comum para quem vai abrir uma empresa consiste em conseguir encontrar fornecedores de qualidade e com bom preço. Isso acontece, pois pode ser um tanto complicado fazer uma previsão de vendas no começo. Sendo assim, seus pedidos tendem a ser bem pequenos.

Quando você opta por abrir uma franquia, existem algumas diferenças. No caso das marcas que vendem seus próprios produtos, onde tudo sai direto da fábrica, a negociação é feita diretamente com a franqueadora. Dessa forma, há uma economia de tempo, já que tudo dependerá da logística da empresa.

Nos casos em que isso não ocorre, as marcas seguem uma lista de fornecedores parceiros. Assim, ela oferece apenas aqueles que contam com o melhor custo-benefício para seus franqueados. Vale ressaltar que, mesmo atuando há pouco tempo, você tem a possibilidade de fazer grandes pedidos.

Quanto maior for o seu pedido, melhor será o preço no final. Isto só acontece graças ao respaldo (know-how e expertise, lembra?) que esse modelo de negócio oferece. Se nenhuma das empresas oferecidas chamarem a sua atenção, nada impede de procurar outro fornecedor, desde que autorizado pela franqueadora.

É importante frisar que qualquer mudança feita precisa ser aprovada pela marca anteriormente. Afinal, ela preza por um padrão de qualidade, uma identidade visual concisa, ou seja, uma estrutura reconhecida por todo mundo. Se um empresário foge à regra, problemas poderiam ser ocasionados sem necessidade.

Modelos de negócios variados

Por fim, a grande vantagem das franquias diz dos diferentes formatos que ela disponibiliza aos empresários. Graças a isso, qualquer um tem condições para mudar de vida. São diferentes preços e estruturas que motivam o crescimento do negócio.

O modelo mais em conta, chamativo para todos os empreendedores que estão começando, é o home office. Aqui, é desejável que o empresário tenha um computador com acesso à internet para realizar o trabalho. No caso de quem oferece um serviço, basta se deslocar até cliente para para realizar o que foi contratado.

Além disso, há também o formato loja física. Neste caso, existem algumas variações que vão desde as tradicionais lojas, super estruturas, até quiosques em shoppings. Geralmente, esse tipo de investimento é maior, sendo necessário considerar aluguel, salários, reformas, equipamentos etc.

Ao longo do texto, você pôde conhecer diversas vantagens do modelo de negócio das franquiaa. Não é necessário ter experiência prévia, na maioria das empresas e, assim, elas permitem que o empresário decole e consiga alcançar grandes resultados. Essa caminhada só é possível graças aos treinamentos e suportes oferecidos.

Gostou do nosso conteúdo sobre o modelo de negócio de franquias? O que acha de conhecer algumas empresas do mercado? Confira o nosso artigo “Franquias confiáveis para você investir agora mesmo!”.

Financiamento para abrir uma franquia: confira essas opções

Artigo anterior

Franquias brasileiras: conheça as melhores segundo dados das ABF

Próximo Artigo

Comentários

Comentários não permitidos.