Matérias relacionadas ao setor Comunicação

Top Franquias - comunicacao

CADASTRE-SE E RECEBA INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE ESSE SETOR / FRANQUIA.

Aceito receber informações de franquias semelhantes

Saiba mais sobre Franquias de Comunicação

O mercado de comunicação pode ser bem amplo e oferecer uma série de oportunidades para quem deseja empreender na área. 

Inclusive, apostar em uma franquia do segmento de Comunicação pode ser a oportunidade certa para fazer um investimento seguro e ter apoio ao longo do caminho. 

Isso porque, em uma franquia, é possível contar com uma estrutura bem planejada e modelos de negócio diversos.

Existem muitas opções no mercado para quem deseja trabalhar com comunicação, podendo atender a empresas de vários segmentos.    

Mercado de franquia do segmento de Comunicação

Para começar a investir em uma franquia do segmento de Comunicação, um empreendedor precisa pesquisar sobre o mercado e entender como anda o desempenho das empresas da área. 

Assim, quando falamos do setor de Comunicação, precisamos considerar todas as tendências que apontam para um crescimento dos negócios no ramo. 

Para se ter uma ideia, em 2019, os investimentos em publicidade no Brasil chegaram a R$ 125 bilhões, de acordo com o Conselho Executivo das Normas-Padrão (Cenp). 

Além disso, segundo o Social Media Trends 2019, cerca de 62,6% das empresas consideram a presença em redes sociais algo relevante para suas estratégias de crescimento. 

Ao mesmo tempo, dentro do franchising, temos o segmento de Comunicação, Informática e Eletrônicos que faturou cerca de R$ 6 bilhões em 2020, de acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Esses números positivos estão diretamente atrelados a necessidade cada vez maior de empresas, instituições e personalidades terem uma comunicação eficiente com o seu público. Seja no meio digital ou fora dele, a comunicação pode ajudar a impulsionar um negócio. 

Sendo assim, para atuar na área, o franqueado pode optar por negócios em lojas físicas ou mesmo em franquias que permitam um espaço de trabalho compartilhado, como o coworking. 

Por outro lado, grande parte das empresas já possibilitam que a operação seja feita em home office, podendo até mesmo o empreendedor se deslocar até o cliente. Logo, é possível investir em um espaço maior, com equipe, ou alternativas mais enxutas. 

Modelos de negócio em franquia de Comunicação

Além das opções em modelos de negócios, quem pensa em investir em uma franquia do segmento de Comunicação pode ter várias opções de nichos para trabalhar. 

Isso porque, o setor de comunicação conta com uma variedade de serviços que podem ser direcionados para os mais diferentes tipos de empresa. 

Sendo assim, é possível atuar com propaganda, no desenvolvimento de materiais e campanhas utilizadas tanto no ambiente digital quanto fora dele. Inclusive, há empresas que aproveitam para fazer anúncios em sacos de pão, por exemplo. 

Outras opções são as franquias que trabalham com sites, desde o desenvolvimento até trabalhos pontuais para melhorias. Neste caso, também existem serviços para e-commerce. 

E claro, temos as agências focadas em estratégias de marketing digital e SEO, que desenvolvem planos de atuação para o crescimento de marcas. Assim, elas oferecem produção de conteúdos, gestão de mídias sociais, e-mail marketing e afins. 

Portanto, na hora de escolher qual nicho é mais interessante para atuar, o empreendedor precisa levar em consideração o seu próprio perfil. Entender com qual negócio ele terá prazer em trabalhar o ajudará a encontrar o serviço certo. 

Com isso, será mais fácil ter um bom desempenho, conseguir crescer e fazer o negócio prosperar. 

E claro, optar por uma marca que possua uma boa reputação é algo fundamental para ter um unidade de sucesso. Logo, o investidor precisa ouvir a opinião de clientes, visitar sites de avaliação e tentar entender como a marca é vista no mercado. 

Perfil para abrir franquia do segmento de Comunicação

Outro ponto que um investidor precisa entender é que, para abrir uma franquia do segmento de Comunicação, ele precisa ter um perfil condizente com a área. Isso porque, existem duas possibilidades de atuação: lidando com os serviços ou com as vendas. 

Sendo assim, se o franqueado planeja trabalhar com os serviços de publicidade, marketing, comunicação e afins, é ideal que ele tenha afinidade com o tema e busque conhecimento sobre. 

Dessa forma, além dos treinamentos dados pela franqueadora, o investidor precisa estar por dentro das tendências, conhecer ferramentas e estratégias eficientes. 

Por outro lado, caso vá atuar apenas com a venda, deixando a produção por conta da marca, o franqueado precisa ter habilidades para fazer bons negócios. Logo, é preciso escutar as demandas dos clientes e saber encontrar alternativas adequadas. 

E claro, não podemos nos esquecer de que um franqueado é o responsável pela condução da empresa. Com isso, ele precisa estar preparado para fazer a gestão, organizar toda a parte administrativa e financeira. 

Inclusive, saber lidar com pessoas é algo essencial para quem vai atuar com vendas. Por isso, o franqueado precisa ser dedicado e estar disposto a fazer bons atendimentos, a fim de manter um relacionamento saudável com os clientes. 

Vantagens de uma franquia de Comunicação

Ao trabalhar com uma franquia do segmento de Comunicação, um investidor poderá encontrar várias vantagens que tornam os serviços ainda mais atraentes. 

Para começar, temos um ramo amplo. Logo, é possível atuar com vários serviços e finalidades diferentes. É possível realizar publicidades para mídias on-line, off-line, mobile, marketing digital e mais. 

Assim, essa variedade também está ligada às possibilidades de encontrar um grande público. Então, é possível atender a diferentes tipos de empresas e instituições que buscam por soluções variadas. 

E com o ramo de comunicação em alta, como explicamos, o que não falta são oportunidades para fechar negócio. 

Inclusive, com as franquias que oferecem o sistema home office, o franqueado pode ter uma unidade sem precisar gastar muito, pois não é necessário manter um ponto físico (o que gera uma economia). 

Já o modelo de franquia é muito vantajoso por si só. Afinal, os franqueados recebem treinamentos da marca e uma série de suportes. Por isso, por mais haja uma autonomia, eles contam com a ajuda de pessoas preparadas para lidar com tudo. 

Além disso, as franquias trabalham com um plano de negócio já estabelecido no mercado. Por isso, as unidades podem seguir os passos de sucesso da matriz, diminuindo os riscos e evitando problemas ao longo do caminho. 

Leia mais sobre franquia do segmento de Comunicação

Com uma franquia do segmento de Comunicação, é possível atender a uma grande demanda do mercado, trabalhando com empresas variadas. 

Confira os conteúdos a seguir e entenda mais a respeito: