O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » sóbrancelhas » Franquias até R$ 50 mil: melhores opções para investir!

Franquias até R$ 50 mil: melhores opções para investir!

Sumário

Franquias de até R$ 50 mil são o seu ideal de investimento? Quer iniciar um negócio, mas ainda não sabe de que tipo? Acompanhe nosso artigo com algumas dicas sobre franquias.

Para quem busca investir em um negócio próprio, as franquias de até R$ 50 mil são uma boa opção. Com custos iniciais mais baixos, elas são conhecidas como microfranquias e podem ser a sua saída para mudar de rumo profissional.

As franquias são opções que trazem um know how e facilitam a vida do investidor. Isso porque, ele vai contar com conhecimentos e uma série de suportes de uma marca já estabelecida no mercado.

Com esse modelo, de franchising, os resultados de uma empresa acontecem de forma mais simples e rápida.

Quanto mais assertivo for o empreendimento, mais chances de se manter no mercado. Mas para que ele seja positivo você precisará escolher uma marca com a qual se identifica, e que esteja bem estabelecida hoje.

Mas pense bem se acha que investir nas franquias é ficar de braços cruzados. Você vai ter que trabalhar e fazer valer o seu o investimento. As franqueadoras oferecem suporte, mas não gerenciam o negócio para você.

De qualquer forma, as vantagens deste tipo de negócio são bastante atrativas. E a variedade de marcas disponíveis no mercado facilitam encontrar uma empresa que realmente combine com o seu perfil.

Quer saber mais sobre o assunto e conhecer opções de franquias até R$ 50 mil para investir? Continue lendo!

Por que investir em franquias de até R$ 50 mil?

O universo do franchising é bem amplo e traz inúmeras possibilidades para quem busca ser dono do próprio negócio. 

Mas é preciso muita atenção, para não ser um empreendedor despreparado e acabar perdendo as chances de desenvolver um bom negócio.

Um estudo do Sebrae indicou que 23% das empresas fecham as portas antes de completar dois anos de vida. Significa que, a cada 100 empresas abertas, 23 fecham suas portas.

Por outro lado, um estudo feito pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) constatou que apenas cinco empresas que investem no franchising encerram suas atividades no mesmo período, o equivalente a 5%.

Os estudos revelam que a falta de preparação para desenvolver o negócio é a principal causa morte das empresas convencionais.

Porém, no sistema de franquias, já existe um plano de negócio a ser seguido. Isso aumenta as chances de crescimento e permanência das empresas no mercado. O suporte oferecido pelas franqueadoras é outro grande diferencial.

Ou seja, pode valer muito a pena investir no franchising. Afinal, uma franquia conta com plano estabelecido, suportes, variedade de segmentos e, especialmente, muito mais chances de sucesso no mercado.

Uma das opções de franquia para quem não tem muito dinheiro, ou não quer investir muito, são as microfranquias.

O que são microfranquias?

De acordo com a ABF, uma franquia é um negócio que requer investimento máximo de R$ 135 mil.

Mas fora esse aspecto de investimento inicial, não existem muitas diferenças entre uma microfranquia e uma franquia comum. 

As obrigações da franqueadora como proprietária da marca e dona do know how, e os deveres dos franqueados são os mesmos nos dois negócios.

Quer saber mais sobre essa comparação entre franquias e microfranquias? Acompanhe o vídeo disponível neste link!

Outra característica bem marcante das microfranquias é que, na maioria dos casos, não é necessário um espaço comercial para atuar. 

Esse modelo é conhecido como home office ou home based. Ou seja, o empresário atua diretamente de casa ou indo até seus clientes para oferecer seus produtos ou serviços.   

Todas as regras do empreendimento, investimento, histórico da marca e outros são apresentados a Circular de Oferta de Franquia (COF). 

A COF é um documento entregue pela franqueadora aos candidatos a franqueado. Ele deve ser lido com bastante cuidado, pois vai informar tudo sobre a relação entre franqueado e franqueadora.

É importante destacar que o candidato só pode assinar o contrato de franquia após estar há, pelo menos, 10 dias de posse da COF da empresa. Se o acordo de franqueamento for estabelecido antes, ele poderá perder a validade.

contrato de franquia sendo assinado
A COF e o contrato da franquia são documentos diferentes, mas ambos merecem atenção e a sua assinatura.

O que diz a Lei de Franquias

A Lei das Franquias é uma norma que surgiu no Brasil após os empresários exigirem uma legislação capaz de padronizar os acordos e contratos referentes ao modelo de franquia. 

Ela surgiu em 1994 mas, com o passar do anos e a necessidade de uma atualização, foi alterada e modificada ainda em 2019. A nova lei está em vigor desde março de 2020.  

Um dos principais motivos para as mudanças foi a necessidade de eliminar algumas brechas, passíveis de questionamentos jurídicos, da antiga legislação.

Haviam dúvidas, por exemplo, sobre a existência ou não de vínculo trabalhista entre franqueadora e os funcionários da unidade de franquia. Esse vínculo não existe.

Ao escolher uma franquia para investir, é essencial que você avalie se a marca segue o que é determinado na Lei de Franquias. Especialmente em relação ao que deve aparecer na COF da empresa.

Se a franqueadora não respeitar as regras, isso pode ser um indicativo que ela também não respeitará o acordo de vocês. Algo que pode trazer dores de cabeça ao seu negócio futuramente.

Dados do setor de microfranquias

Aos que desejam investir em franquias de até R$ 50 mil, existe uma previsão bem rápida para o retorno do investimento, o que também é uma vantagem.

Um levantamento realizado pela ABF revelou que 29% das unidades de microfranquias demandam, em média, de 12 a 18 meses para obter o retorno do investimento.

Além disso, existem aproximadamente 580 marcas que trabalham com microfranquias. Os modelos mais baratos geralmente são aqueles do tipo home office.

Entre as maiores redes de microfranquias no mercado hoje, se destacam as dos setores de Saúde, Beleza e Bem-Estar, de Informática e de Serviços Educacionais.  

Os dados, levantados em 2019, também sugere um aumento no  número de marcas adepta a esse mercado dos últimos anos. 

A opção aparentemente caiu no gosto do futuros empresários, não só pelo preço baixo, mas também pela possibilidade de rentabilidade mais rápida. 

Conheça opções de franquias de até R$ 50 mil

As franquias de até R$ 50 mil são uma oportunidade de ingressar no empreendedorismo de uma forma mais segura e com suporte auxiliar. Pode ser uma ótima alternativa para você que deseja abrir um negócio, mas seu investir muito.

Lembre-se, apenas, que o modelo de franquia não exime o franqueado de se empenhar ao máximo para alcançar resultados. A franqueadora oferece o modo de trabalho e suporte, mas o empreendedor é 100% responsável por sua unidade.

Assim, tenha a certeza de que você está preparado para gerenciar um negócio. Os conhecimentos da marca vão auxiliar seu trabalho, mas o sucesso dependerá da sua dedicação.

Além disso, será essencial gostar do setor com o qual você vai trabalhar. Ter interesse na atividade vai te ajudar a manter seu entusiasmo em investir tempo e dinheiro no negócio. Não é preciso ter experiência no ramo, mas seu desejo de entrar nele deve existir.

[raio_x_esf]

Bônus – franquias até 100 mil reais para investir em 2021

Agora que você conhece algumas franquias de até R$ 50 mil, vamos apresentar outras oportunidades mais caras para mudar de vida. É importante destacar que mesmo que não possua a quantia necessária para abrir uma unidade, pode procurar financiamentos especiais para futuros franqueados. 

Omie

A Omie é uma empresa que oferece uma plataforma de gestão em nuvem para as empresas. Dessa forma, é possível armazenar em um só lugar diversos documentos e informações importantes sobre o empreendimento. Além disso, dentro do mesmo software é possível ter acesso ao sistema de gestão, educação empreendedora e serviços financeiros. 

No mercado desde 2013, a empresa é considerada uma das melhores do segmento e já conta com aproximadamente 65 unidades no Brasil. Outra grande vantagem de apostar nessa empresa é a possibilidade de atuar com soluções inovadoras e capazes de impulsionar os empreendimentos locais.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 70 mil
  • Faturamento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: entre 15 e 18 meses

Padaria Pet

Quem busca um empreendimento para trabalhar com animais de estimação e com boas possibilidades de ganho, uma das soluções é a Padaria Pet. A empresa oferece produtos fabricados na hora para ajudar na alimentação do companheirinhos. Além dos tradicionais petiscos, a marca oferece outras possibilidades. 

O franqueado terá condições de oferecer cervejas especiais, sorvetes, bolos e serviços de estética para os animais. Sem contar no espaço voltado para quem deseja comemorar o aniversário do pet. A empresa está no ramo das franquias há apenas três anos, e desde então são aproximadamente 10 unidades. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 85 mil
  • Faturamento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

Durante o texto, pudemos observar que investir em microfranquias é uma das melhores soluções para aqueles que não possuem um capital tão alto disponível. 

Além das diversas opções que existem no mercado, essa é uma área que vem ganhando cada vez mais marcas adeptas.

Grande parte dessas franquias permite que o empreendedor atue de casa, sem a necessidade de pagar aluguel de uma sala. Isso evita uma série de despesas, o que atrai pequenos empresários para o franchising. 

Outras franquias baratas também têm essa possibilidade de home based, além de outras características que exigem um baixo investimento. Veja mais no texto: Franquias baratas: opções para lucrar ao investir.

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje