Destaques ★FranchisingEmpreendedorismoSegmento: Serviços e outros negócios

Se franquia de e-commerce é tão ruim, por que essas marcas não provam isso?

Uma pessoa digitando no notebook que está em uma mesa. Imagem ilustrativa do texto sobre franquia de e-commerce.

Quem está pensando em abrir uma franquia de e-commerce ou ainda deseja saber mais sobre este tipo de negócio, veio ao lugar certo. Preparamos um conteúdo completo para você entender tudo sobre o assunto!

Antes de mais nada, segundo pesquisa realizada pela Neotrust, as vendas on-line no Brasil registraram um faturamento recorde em 2021, com um crescimento de 26,9% em comparação a 2020.

Portanto, fica claro que o setor é bastante atrativo. Por esse motivo, vale a pena investir em uma franquia de loja virtual. Acompanhe a leitura conosco e saiba mais!

Advertisement

O que é uma franquia de e-commerce?

Uma franquia de e-commerce é uma das formas de um empreendedor ganhar dinheiro pela internet. Para isso, ele precisa vender produtos ou serviços por meio de lojas virtuais.

Desse modo, uma franquia de loja virtual é um tipo de negócio onde o franqueado comercializa na internet os produtos de uma determinada marca.

Sendo assim, e-commerce é a abreviação de comércio eletrônico, ou seja, vendas feitas pela internet por meio de sites próprios ou pelas redes sociais.

Diferente de uma loja física, o comércio eletrônico funciona somente com o contato virtual, de modo remoto.

Dessa forma, todas as dúvidas do cliente são tiradas no próprio site, com a descrição dos produtos, ou por e-mail.

No entanto, na hora de abrir um e-commerce, é necessário que o empreendedor se organize bem para atuar neste mercado de franquias.

Sendo assim, é importante planejar o passo a passo, avaliando qual o segmento do e-commerce deseja, e verificar se ele combina com o seu perfil de empreendedor.

Do mesmo modo, é necessário verificar o valor que você tem disponível para investir em uma loja virtual. Sendo assim, analise a Circular de Oferta de Franquias (COF) da marca do seu interesse para saber se poderá arcar com todos os custos.

Esse documento apresenta os seus direitos, obrigações, deveres, valores e responsabilidade de ambas as partes.

Além disso, a organização é um fator importante para fazer com que o negócio funcione de forma mais eficaz. Desse modo, planeje cada uma das etapas para realizar uma venda on-line.

Isso inclui ter um site atrativo para que os clientes possam entender bem os produtos e se interessar por eles.

Além disso, é importante que eles tenham segurança para realizar as compras com o seu cartão de crédito ou outros meios de pagamento.

Mulher em um escritório sorri enquanto olha para notebook. Sobre a mesa, vários produtos. Imagem ilustrativa do texto sobre franquia de e-commerce.
Em uma franquia de loja virtual, o franqueado paga para comercializar na internet.

Vantagens de abrir uma loja virtual

As vantagens de abrir uma loja virtual no modelo de franquias são grandes, e inclui baixo valor de investimento, além da flexibilidade no horário de trabalho.

Desse modo, este também é um modelo de negócio em que o empreendedor pode atuar com variados produtos, para diferentes perfis.

Essa forma de comércio é escolhida por muitos brasileiros que gostam de comprar o que precisam no conforto do seu lar, pesquisando por diferentes preços e produtos.

Além disso, a maioria dos brasileiros possui acesso à internet por um celular, o que facilita a compra de todo tipo de produto, com apenas alguns cliques.

Outro ponto é que o cliente pode optar por comprar de uma loja que não está próxima da sua casa. Desse modo, essa loja pode estar em outro estado ou até em outro país.

Além disso, pela internet o cliente tem mais opções de produtos e muitas vezes por um preço menor do que na loja física.

Sendo assim, um e-commerce é uma forma de negócio que exige um baixo investimento e custo. Isso porque, com o modelo não é necessário ter um ponto físico, e consequentemente não precisa pagar aluguel e ou investir em uma estrutura.

Outra vantagem é que abrir uma franquia de e-commerce permite que o empreendedor atue em home office, ou seja, em casa. Dessa forma, ele pode trabalhar no conforto do seu lar usando o seu computador.

Nesse sentido, dependendo do produto que você irá atuar ou o formato do negócio, não precisará sequer de estoque. Isso diminui ainda mais os seus custos.

Continue a leitura e conheça algumas opções de franquias para você investir e lucrar!

5 opções de franquia de e-commerce para abrir

Mulher com expressão surpresa com um celular em uma mão e uma sacolinha em outra.  Imagem ilustrativa do texto sobre franquia de e-commerce.
O e-commerce permite um negócio enxuto e cômodo para os clientes.

Agora você vai conferir opções de franquias de e-commerce para abrir. Dessa forma, uma franquia é um método mais seguro para abrir uma loja virtual.

Isso porque, o modelo de franquia é um negócio preestabelecido, onde o empreendedor investe em uma empresa com uma estrutura planejada. Sendo assim, no e-commerce, ele vai investir em uma plataforma pronta para realizar todas as vendas.

Nesse sentido, a dedicação do empreendedor ao negócio é um ponto chave e deve ser focada em atrair os clientes para a loja virtual, para que ele venda os produtos.

Do mesmo modo, o franqueado recebe auxílios da franqueadora, como ajuda na gestão do site, para o trabalho de marketing, além das questões burocráticas. Algumas franquias também são responsáveis pela logística de entrega dos produtos.

1. Brasil Nutri Shop

A Brasil Nutri Shop é uma franquia de e-commerce que trabalha com a venda de suplementos alimentares e produtos fitness.

Dessa forma, o franqueado trabalha com a venda dos produtos que são entregues diretamente pela empresa e ele recebe um percentual sobre a venda.

A marca possui um faturamento médio mensal a partir de R$ 5 mil e uma rentabilidade de 15% a 20%.

Com mais de 500 unidades, a Brasil Nutri Shop é uma das melhores franquias para empreender sem precisar sair de casa.

Ainda, a marca trabalha com três modelos de franquias: o Básico, o Personalizado e o Máster, com investimentos iniciais variados.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 10,9 mil
  • Prazo de retorno: de 12 a 24 meses
Comprimidos coloridos em destaque.
A franquia oferece variados produtos.

2. PanMinas

A PanMinas é um sistema de franquias que você pode contar para abrir um e-commerce. A rede trabalha com um amplo catálogo de produtos voltados para o cotidiano, como utensílios domésticos em geral.

Dessa forma, o empreendedor consegue vender para diferentes perfis de clientes, o que torna o negócio ainda mais interessante para o empreendedor.

Sendo assim, o faturamento médio mensal da marca é a partir de R$ 6,9 mil e a sua rentabilidade é de 5% a 50%.

Além disso, para o franqueado, é uma forma de empreender sem gastar muito dinheiro e ainda contar com a flexibilidade de trabalhar em casa.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 500,00
  • Prazo de retorno: de 6 a 18 meses

3. Bellaza

A franquia de e-commerce Bellaza atua no segmento de beleza. Sendo assim, ela trabalha com a venda de cosméticos e maquiagem.

A franqueadora é responsável por realizar a entrega dos produtos, não sendo necessário que o franqueado tenha um estoque em casa.

A marca possui um faturamento médio mensal a partir de R$ 5 mil. Além disso, a sua rentabilidade é bastante atrativa, de 40% a 50%.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 9 mil
  • Prazo de retorno: de 12 a 24 meses

4. Mazze

A Mazze é uma das opções franquia de e-commerce para você investir. Ela trabalha com a venda de anéis, brincos, colares, tornozeleiras, bem como artigos masculinos e infantis.

O faturamento médio mensal da Mazze é a partir de R$ 1 mil. Já a rentabilidade da franquia é de 40% a 50%.

Além disso, o franqueado não precisa se deslocar de casa para entregar os produtos e ainda pode trabalhar em horários flexíveis.

Por último, o franqueado não precisa ter estoques de produtos, já que os produtos são entregues pela franqueadora.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 9 mil
  • Prazo de retorno: de 12 a 24 meses

5.  Orgânica

Sombras de diversas cores. Imagem ilustrativa do texto sobre franquia de e-commerce.
A marca preza pela sustentabilidade.

A Orgânica é uma franquia de e-commerce que vende cosméticos com base 100% vegetal em seus produtos e acessórios para corpo e banho.

A empresa está sempre em busca de um mundo mais sustentável e por isso a Orgânica não realiza testes em animais. O faturamento médio mensal da franquia é a partir de R$ 5 mil e a rentabilidade é de 50%.

A marca possui mais de 30 anos de atuação no mercado B2B. Além disso, desenvolve produtos para marcas como Pão de Açúcar, Carrefour, Walmart, Natura, entre outras.

Sendo assim, a Orgânica ganhou reconhecimento e credibilidade nacional, buscando uma forma mais humana e criativa de fazer parte do cotidiano das pessoas.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 29,1 mil
  • Prazo de retorno: de 4 a 5 meses

Viu como abrir uma franquia de e-commerce é um negócio prático? Nesse sentido, o empresário pode atuar de forma 100% on-line, realizando todas as etapas do negócio pelo seu próprio site.

Dessa forma, o cliente entra no site ou na rede social da sua empresa e escolhe os produtos que ele deseja comprar. Em seguida, ele é direcionado para uma página de pagamento e já pode agurdar para receber o seu produto em casa.

Por não ter necessidade de uma loja física, um e-commerce é um negócio de baixo investimento e com um custo de manutenção pequeno.

Isso possibilita que empreendedores com pouco dinheiro para investir consigam abrir o seu próprio negócio.

Desse modo, com todo o trabalho feito de forma virtual, fica mais fácil para o empreendedor escolher o melhor horário para atuar, além de ter tempo para cuidar da família e até mesmo encontrar os amigos.

Confira no vídeo abaixo, mais algumas opções de franquias baratas de lojas virtuais para você investir!

Como citamos, o setor de franchising possui muitas opções de franquias. Conheça aqui “Qual a franquia perfeita para o seu perfil? Saiba como escolher!”

*Informações publicadas em JUNHO/2022. Informe-se com a franqueadora da marca sobre os preços atuais do negócio.

Franquia de roupas íntimas baratas: 5 melhores opções do mercado para você abrir

Artigo anterior

Microfranquias automotivas: vale a pena abrir negócio assim?

Próximo Artigo

Comentários

Comentários não permitidos.