O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Empreendedorismo » Dicas de empreendedorismo para ajudar você a abrir e ganhar dinheiro com o negócio certo

Dicas de empreendedorismo para ajudar você a abrir e ganhar dinheiro com o negócio certo

Sumário

Neste texto, você vai conferir dicas de empreendedorismo para tirar sua ideia de negócio do papel e torná-la bem-sucedida. Por isso, leia até o final e anote as que achar mais interessante.

Afinal de contas, o número de empreendedores está crescendo cada vez mais no país. Somente em 2021, por exemplo, o Brasil registrou 3,1 milhões de novos registros de empreendimentos.

Então, pode ser o seu momento de investir em um produto ou serviço na área de atuação que mais gostar. Mas para quem é empreendedor iniciante, o ideal é ter uma boa gestão financeira e começar com calma.

Clique, conheça e compare FRANQUIAS LUCRATIVAS. Acesse!

11 dicas de empreendedorismo para você seguir

A seguir, vamos apresentar algumas dicas de empreendedorismo valiosas para quem quer ter um negócio bem-sucedido.

Por isso, leia com calma os tópicos e lembre-se de que as instruções não dispensam um bom planejamento.

1. Entenda o que você quer fazer

Um dos primeiros passos para empreender é entender o que quer fazer. Desse modo, é possível abrir um negócio certo e ganhar dinheiro. Assim, o ponto inicial é identificar suas habilidades, afinidades e capacidades.

Dessa forma, o empreendedor irá saber em que área apostar e em qual segmento o seu perfil se encaixa melhor. Essa ideia inicial é um bom indicativo para empreender e ter a possibilidade de desenvolver diferenciais.

Logo, ajuda a manter a empresa a longo prazo. Embora, nem sempre essa ideia irá dar certo. Ou seja, o empreendedor pode observar suas habilidades e pesquisar em quais mercados é possível empreender.

Afinal, empreender é complexo e precisa de muita dedicação e resiliência. Ao escolher algo que se gosta de trabalhar, esses desafios são mais fáceis de serem enfrentados. 

Do mesmo modo, uma boa escolha permite que o empreendedor tenha mais afinidade e conhecimento para desenvolver um bom negócio.

CURSO Guia Prático Sobre Franquias. Clique e confira o conteúdo completo sobre o franchising no Brasil, como investir e como faturar!

2. Valide a sua ideia

Assim como citado anteriormente, uma boa ideia não necessariamente rende um bom empreendimento. Por isso, essa ideia deve ser validada, conversando com outras pessoas, por exemplo.

Nesse sentido, o ideal é atender uma nova necessidade não sanada pelos negócios atuais.

Ou seja, algo que os consumidores desejam, mas ainda não tem no mercado. Para que se tenha certeza que esse produto ou serviço terá boa aceitação.

Muitas ideias podem parecer perfeitas no papel, porém, só com testes é que o empreendedor realmente irá saber os pontos que funcionam e os que não funcionam. O que só é possível com a validação dessa ideia por outras pessoas.

Essa prática também ajuda o empreendedor a entender melhor o que não havia enxergado. Então, com a ajuda de opiniões de outras pessoas pode expandir a percepção sobre o negócio e adaptar da melhor forma para que possa ser tirado do papel.

Banner ProResultado consultoria. Clique e confira!

3. Analise o mercado em que você quer investir

A análise do mercado em que se quer investir é mais uma das dicas de empreendedorismo indispensáveis para abrir um negócio lucrativo e assertivo. Afinal, o empreendedor precisa saber se a sua ideia de negócio terá demanda nesse mercado de atuação.

Isso porque, mesmo com um conceito inovador e diferenciado, não irá gerar resultados se as pessoas não se interessam por ele ou não estão dispostas a consumi-lo.

Fato esse que ajuda também a entender modas passageiras e tendência que irão se solidificar.

Desse modo, o negócio terá mais segurança e mais chances de se tornar uma referência nesse mercado. Além de evitar apostas em conceitos muito saturados que não atendem o público-alvo de forma satisfatória.

Isso, para entender e fazer a análise do mercado para saber se há consumidores o suficiente para aquele mercado.

Banner Totall Marcas. Clique para conferir os serviços!

Então, você pode fazer isso boca a boca, com conhecidos, mas também de maneira profissional, como empresas especializadas. 

Sendo assim, a análise também ajuda a definir a melhor localização para o ponto e o público-alvo do empreendimento.

4. Seja realista sobre seu capital

Antes de abrir um negócio e investir dinheiro e tempo nele, é preciso ser realista sobre a capacidade financeira.

Ou seja, o investimento no novo empreendimento deve condizer com a capacidade financeira do empreendedor.

Afinal, um negócio leva tempo para atingir o ponto de equilíbrio e começar a dar lucros. Desse modo, o empreendedor terá que manter a empresa até esse ponto. 

MJG SOLUÇÕES EM ENGENHARIA. Clique e saiba como contratar essa empresa conceituada!

Então, se investir mais do que realmente tem, pode acabar entrando em dívidas. Inclusive, podendo até mesmo afetar o negócio e precisar fechá-lo por não conseguir arcar com os gastos de manutenção. 

Além disso, um novo negócio funciona como um investimento. Logo, o empreendedor pode começar de forma mais modesta.

Com o tempo, terá a oportunidade de expandir a empresa de forma segura e planejada.

Por fim, sem maiores problemas financeiros ou administrativos. Além de obter experiência já estará mais familiarizado com o negócio, podendo tomar decisões mais assertivas.

5. Organize suas finanças

A organização financeira é um grande diferencial para um negócio lucrativo e saudável.

FOCO MARKETING. Clique e acesse para saber como faturar com o seu negócio fazendo ações de marketing!

Nesse sentido, é dever do empreendedor organizar e separar as finanças do empreendimento das pessoais. Esse passo evita diversos problemas e possíveis confusões com essa administração.

Além disso, a organização financeira deve ser feita tanto antes como depois da inauguração da empresa.

Portanto, planejar os gastos de investimento inicial, adaptação do espaço, estoque, funcionários, entre outras manutenções recorrentes. Depois que a empresa já estiver funcionando esse planejamento deve continuar.

Ou seja, o empreendedor deve acompanhar de perto a questão financeira da empresa, organizando todas as entradas e saídas, recolhendo e salvando os dados, entre outros.

Assim, é possível ter uma noção do desempenho do negócio de forma geral e específica, entender gastos que podem ser cortados, possíveis oportunidades de investimento, capital de giro etc.

CONHEÇA AS SOLUÇÕES DA DOTS HUNTERS PARA FRANQUEADORAS! Clique aqui!

Com isso a empresa terá uma administração e vida financeira funcional e saudável.

6. Escolha entre novo negócio e franquia

O empreendedor pode escolher o modelo de negócio, entre uma franquia e uma empresa do zero.

Cada uma traz suas vantagens e desvantagens e depende muito do perfil de empreendedor, capacidade de investimento, mercado local, entre outros.

Mas com um negócio do zero, o empreendedor pode ter mais liberdade em algumas questões.

Entre elas, por exemplo, escolha do ponto de vendas, menos rigidez nos processos e mais independência. Porém, terá que investir tempo e dinheiro em pesquisas e análises antes de abrir uma loja.

CONHEÇA AS SOLUÇÕES DA SULTS PARA FRANQUEADORAS! Clique aqui!

Assim, mesmo com um negócio do zero, é recomendado procurar ajuda de profissionais para auxiliar em questões jurídicas e financeiras, por exemplo.

Porém, pode ter mais riscos com o negócio, pois estará sozinho para gerenciar seu empreendimento.

Por outro lado, as franquias oferecem um negócio mais seguro, bem como suporte e auxílio durante todo o empreendimento.

Dessa forma, o empreendedor irá adquirir uma marca já conhecida e consolidada no mercado. Além de contar com todo o know-how por meio de treinamentos e assessorias disponibilizados.

Bem como escolha do ponto, contratação de funcionários, padronização dos processos, atendimento e qualidade. Nesse caso, uma das desvantagens pode ser seguir as regras da franqueadora.

7. Estude a concorrência

A análise de mercado também inclui o estudo da concorrência. Dessa forma, a finalidade é aprender as práticas desse negócio, ações que funcionam e possíveis carências que esse mercado não supre.

Essa é uma das dicas de empreendedorismo mais importantes. Isso tem diversas vantagens para o empreendedor oferecer um diferencial com o seu negócio e se destacar entre a concorrência.

Do mesmo modo, é possível viabilizar melhor o negócio baseado em dados dos outros concorrentes que atuam nesse segmento.

Com esses dados, pode-se saber se existem produtos ou serviços que chamam mais atenção, se o tipo de negócio sofre com sazonalidades do mercado ou se os clientes estão completamente satisfeitos com o que é oferecido.

8. Aprenda sobre empreendedorismo

Uma das dicas de empreendedorismo é aprender sobre o assunto. Seja você experiente ou não na área, afinal, o mercado e os hábitos de consumo estão em constante mudança e atualizações.

Assim, o empreendedor pode se capacitar de diversas formas, com cursos universitários, aulas pagas ou gratuitas, palestras e conteúdos diversos por toda a internet. 

Porém, esse trabalho de aprendizado é algo constante na vida do empreendedor para sempre estar por dentro de fatos importantes para o negócio.

Desse modo, terá a capacidade de melhorar a sua atuação e consequentemente o seu negócio.

9. Defina um passo a passo

Para se começar um negócio será necessário muito planejamento. Assim, o empreendedor deve definir passo a passo para começar o empreendimento e as operações. 

De preferência, esses passos devem ser os mais detalhados possíveis, garantindo um trabalho meticuloso para a construção do negócio.

Isso porque, metas e objetivos que estão muito longe de serem alcançados podem muitas vezes desanimar o empreendedor.

Ou seja, precisa definir os passos necessários, sem atropelos ou descuidos. Assim, conferir questões importantes, como as exigências jurídicas para abrir um negócio, o investimento necessário, local para a implantação, entre outros.

10. Estabeleça objetivos para o negócio

Estabelecer objetivos para o negócio pode ser de grande ajuda para que tudo corra da melhor forma possível.

Por isso, devem ser claros e detalhados, para que o empreendedor se sinta recompensado cada vez que alcança um passo.

Além disso, os objetivos ajudam o negócio a ter um plano para ser seguido e uma direção para onde ir. Assim, é muito mais fácil analisar e planejar os diversos aspectos que envolvem o gerenciamento de uma empresa.

11. Dedique tempo e suor

Por fim, seja com um negócio do zero ou com uma franquia, o empreendedor deve dedicar o seu tempo e suor ao seu empreendimento.

Afinal, tem a responsabilidade de gerenciar as questões da empresa, com uma visão macro de todos os seus aspectos.

Desse modo, para empreender é necessário estar disposto a se esforçar e se dedicar ao negócio.

Por esse motivo, uma das dicas é justamente escolher uma área que o empreendedor se identifica. Com isso terá mais inspiração e vontade de gerenciar o negócio de forma natural.

Então, já que você conferiu as nossas dicas de empreendedorismo, descubra alguns negócios para empreender. Leia,” Franquias baratas e rentáveis: conheça as melhores opções no Brasil”.

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje