Created by potrace 1.15, written by Peter Selinger 2001-2017

Como avaliar se uma franquia é boa: 7 pontos que você PRECISA avaliar, sem falta


Sarah Soares | 21 maio 2022
Como avaliar se uma franquia é boa: 7 pontos que você PRECISA avaliar, sem falta

Na hora de saber como avaliar se uma franquia é boa, existem alguns pontos interessantes para se fazer uma análise.

A taxa de empreendedorismo no Brasil foi de 30% em 2019, para 53% em 2020. Assim, ter um próprio negócio é uma questão relevante para os brasileiros.

Para realizar esse sonho, o empreendedor pode abrir uma franquia. Esse é o momento perfeito para você entender melhor esse modelo de negócio e aprender como escolher a sua franquia. Fique conosco para saber mais!

Advertisement

Afinal, como avaliar se uma franquia é boa?

Abrir uma unidade de rede de franquia pode ser vantajoso. No entanto, é preciso analisar muitas questões antes de iniciar o seu novo negócio.

Na hora de como avaliar se uma franquia é boa, podem surgir muitas dúvidas no caminho. Como saber se ela é uma marca forte e séria? Se o preço está justo?

Afinal de contas, é uma decisão importante que você vai tomar ao abrir o seu empreendimento. Isso porque, você terá o seu dinheiro investido para realizar um sonho e será também o seu novo trabalho.

Mas não se preocupe, porque existem alguns pontos que podemos considerar na hora de fazer essa avaliação de qual franquia fazer parte e do que a franquia pode te oferecer. Entre eles estão avaliar o suporte da franqueadora e a reputação da marca.

É sobre isso que vamos tratar em nosso texto de hoje. Por isso, pegue a caneta e o papel e comece a anotar esses pontos e todas as informações importantes para você pesquisar e abrir uma franquia.

1. Suporte da franqueadora

Quando se monta um negócio do zero, é preciso saber que os riscos que o empreendedor corre são maiores. Desse modo, se pode dizer que ele está sozinho nessa jornada e vai ter que aprender tudo na prática, por meio dos seus próprios erros e acertos.

Mãos com punho fechado unidas sobre uma mesa. Imagem ilustrativa do texto sobre como avaliar se uma franquia é boa.
O sistema de franquias permite receber diversos suportes.

Já com uma franquia, que é um modelo de negócio pronto para ser replicado, você pode seguir um passo a passo de sucesso do negócio.

Além disso, você conta com uma série de suportes fornecidos pela franqueadora que vão desde o auxílio no processo operacional da franquia,até os treinamentos e todo o know-how da marca.

Por isso é tão importante avaliar quais os suportes que a franquia que você deseja abrir possui. Desse modo, você garante que vai investir em uma franquia com um pacote completo.

2. Opinião dos franqueados

Outro ponto muito importante na hora de como avaliar se uma franquia é boa, é verificar a opinião dos franqueados.

Esse é um ponto básico, não é mesmo? Afinal de contas, nada como avaliar a experiência das pessoas que passaram pelo mesmo processo que você está buscando para abrir uma unidade franqueada.

Desse modo, você deve conseguir alguns contatos junto à franqueadora para que possa bater um papo com essas pessoas. Ou mesmo buscar depoimentos delas no site da franquia do seu interesse.

Assim, você saberá como foi o processo de abertura, vai entender tudo o que precisa sobre franquias e sobre o suporte recebido pelos franqueados da rede.

Advertisement

3. Reputação da marca entre os clientes

Além da conversa com os franqueados, naturalmente os clientes são um outro lado interessante da franquia, onde você poderá ficar sabendo como é o serviço prestado pela marca.

Quem tem interesse em se tornar um franqueado, deve considerar que estará representando uma grande marca, sendo assim, vai compartilhar dos valores e da reputação que ela já tem no mercado.

Por conta disso, avaliar a reputação é algo fundamental, antes mesmo de o empreendedor adquirir o negócio.

Portanto, existem muitas formas de como fazer essa avaliação para garantir que você não se decepcione e nem prejudique sua imagem na hora de escolher a sua franquia

Peças sobre uma mesa escrito Facebook.
Pesquise a reputação da empresa em diferentes fontes, como nas redes sociais.

Uma boa forma de conferir a reputação de uma empresa é pesquisando sua história.

As redes de franquias que possuem bom posicionamento e credibilidade no mercado, avaliados por seus franqueados e clientes, conquistam esse resultado com o tempo.

O ideal é pesquisar a história da franquia e entender como foi a sua criação, seus propósitos, quais foram os desafios etc.

Você verá se os valores e objetivos da marca estão alinhados com o que você procura em um negócio e poderá entender melhor que tipo de mensagem ela deseja e passa para o mercado.

Desse modo, você pode avaliar também a reputação da empresa no site da franquia ou mesmo por meio das redes sociais.

Hoje em dia não tem como esconder nada do público. As redes sociais são ferramentas que geram relacionamento, mas que também dizem muito sobre o posicionamento de uma empresa.

Por fim, com uma simples busca, o empreendedor pode descobrir mais sobre a reputação da franquia pretendida. Sem contar que existem sites específicos para isso, como o Reclame Aqui.

4. Entender os padrões da rede

Uma franquia apresenta uma série de métodos de trabalho padronizados. Essa padronização que garante a qualidade dos produtos e serviços oferecidos em qualquer unidade, em qualquer local. Esse é um fator muito importante para fidelização dos clientes.

Por isso é tão importante você verificar se os padrões da rede são bem estabelecidos, assim como se o plano de negócio da franquia é bem estruturado.

É importante que o franqueado siga sempre ao padrão da empresa e mantenha a identidade da marca.

Desse modo, ao abrir sua franquia, você precisará acompanhar de perto as unidades da rede. Somente assim você garante a confiança dos clientes e a qualidade no atendimento e serviços prestados.

Em caso de dúvidas quanto a esses padrões, o franqueado sempre poderá contar com o apoio da franqueadora.

5. Respeito às regras

Mulher de costas apontando dedo para outra mulher que está virada para a foto. Imagem ilustrativa do texto sobre como avaliar se uma franquia é boa.
É importante esclarecer tudo sobre as regras para manter um bom relcionamento entre as partes,

Em um negócio, é sempre importante esclarecer tudo e seguir as regras. Isso porque, todos os envolvidos, tanto você, como a marca, o cliente e também a franqueadora, têm expectativas e objetivos a serem atendidos.

Desse modo, ao deixar tudo isso explícito, as partes evitam possíveis desentendimentos.

Advertisement

No caso das franquias, esse processo de apresentação da empresa se torna mais simples. Isso porque, a matriz disponibiliza um documento chamado Circular de Oferta de Franquia (COF), que determina todas as necessidades de investimento, atribuições, entre outros pontos relevantes.

Assim, ao analisar este documento, o futuro investidor sabe tudo sobre o modelo e quais os valores de investimentos necessários. Neste sentido, fica claro o que ele vai precisar fazer.

Dessa forma, verifique se a marca pretendida entregou a COF para análise e tirou todas as suas dúvidas em relação a ela. Assim, vão poder alinhar metas e trabalhar bem para os mesmos resultados.

6. Comunicação institucional

A Comunicação Institucional compreende a criação e o fortalecimento da identidade e da imagem da franquia com relação a seu público externo como seus clientes e fornecedores. Além do seu público interno, como os funcionários e acionistas.

Desse modo, ela serve para coordenar as ações sejam de marketing, relações públicas, entre outras.

Por isso, é importante destacar que na franquia a padronização é a palavra-chave. Dessa forma, não somente nos processos, como no tratamento com o cliente e na identidade visual, é importante seguir as orientações de padronização.

Nesse caso, estamos falando de observar se a marca segue uma paleta de cores institucionais, slogans, ícones, imagens, vídeos, fontes da marca, entre outros.

Sendo assim, é necessário aderir as campanhas a serem feitas e contar com o suporte de marketing da franqueadora.

Enfim, obseve se a marca é forte e se está presente nas redes sociais. Isso tudo é muito importante para engajar os clientes e fidelizá-los.

Quadro preto com desenho de círculos e uma lâmpada ao centro. Imagem ilustrativa do texto sobre como avaliar se uma franquia é boa.
As estratégias de comunicação são muito importantes para o negócio.

7. Comparação entre marcas

Como última dica de hoje, não deixe de fazer uma comparação entre as marcas pretendidas. Assim, fica mais simples identificar os pontos positivos e negativos, e também verificar o que é importante de ser analisado.

Desse modo, é essencial fazer uma lista para que você possa anotar as informações relevantes de cada franquia analisada.

Desse modo, ficará bem mais fácil comparar cada uma e conhecer suas vantagens, como os suportes oferecidos pela franqueadora.

Confira agora no vídeo abaixo franquias nas quais você não dever perder o seu tempo e nem o seu investimento!

Viu como é importante levar em consideração todos os pontos levantados no artigo de hoje? Sendo assim, pesquise cada dica levantada e converse com a franqueadora da marca.

Dessa forma, a franqueadora vai te ensinar tudo que for necessário para você atuar. E quando for fechar o negócio e tiver a sua franquia escolhida, terá que fazer sua parte e participar das capacitações e treinamentos. Por meio deles, será possível colocar o plano de negócio em prática.

Portanto, com o negócio já aberto, o papel do empreendedor será administrar a unidade, aproveitar os suportes da franqueadora e seguir os padrões da marca.

Agora que você já sabe tudo sobre como avaliar se uma franquia é boa, confira também este texto, com recomendações de franquias para você: Franquias baratas e rentáveis: conheça as melhores opções no Brasil.

Advertisement

Acompanhe o Mercado

As Mais Lidas